10 Dicas de desenho de folhetos para aumentar a sua publicidade

desenho de folhetos

A impressão de folhetos é uma óptima forma de publicitar o seu negócio. Lembre-se que o marketing mais eficaz é simples, acessível e fiável, e as brochuras são exactamente isso. O desenho de folhetos será belo, memorável e estimulante de pensamento. A sua beleza é que se pode alcançar e tocar-lhe. Apela para nós a nível físico. Isto ajuda a criar uma ligação duradoura com o consumidor, tornando as brochuras uma forma eficaz de promover o seu negócio.

Combinando artesanato sólido, design inteligente e narrativa convincente, desenho de folhetos eficazes irão envolver e inspirar as pessoas. Quer contrate um designer gráfico ou o faça você mesmo, o design é a chave para assegurar um sólido retorno do investimento.

Neste guia, levamos-lhe através de 10 dicas de design de brochuras para o ajudar a criar a brochura perfeita para impulsionar o seu negócio.

10 dicas de desenho de folhetos para criar a brochura perfeita

1. Função sobre a forma

A sua brochura deve ser funcional, fácil de ler e clara

Embora a sua brochura precise de ser apelativa, esteticamente agradável e memorável, falaremos sobre design mais tarde. Antes de mais nada, a sua brochura precisa de ser funcional. Não é Miguel Ângelo a pintar a Capela Sistina; é um negócio que tenta vender um produto.

É necessário certificar-se de que a sua comercialização é concisa, legível e clara. Certifique-se de que a brochura tem um aspecto profissional e preenche os requisitos básicos. Deve ter a resolução de impressão correcta e deve mostrar uma consciência das tendências actuais do marketing de impressão. Caso contrário, pode fazer a sua empresa parecer amadora.

Certifique-se de que a informação na sua brochura é fácil de ler e apresentada sem desordem visual.

Mesmo uma brochura que seja criativa e única deve satisfazer estes critérios básicos. Lembre-se de que o marketing eficaz tem tudo a ver com comunicação eficaz. Um leitor de brochuras tem um curto período de tempo e um curto espaço de atenção. Seja conciso e directo ao assunto.

Tornar a informação essencial (por exemplo, detalhes de contacto) facilmente acessível; tentar usar uma cor apelativa, ou aumentar o tamanho da fonte em grande escala. Tente adoptar um tom de conversação que atraia as pessoas e as mantenha a ler.

Se estiver a vender um determinado produto, mostre uma fotografia do mesmo. Pode parecer simples, mas as pessoas compram com os olhos. Dê ao leitor algo visual e a sua brochura irá converter-se em vendas muito mais eficazmente.

2. Conheça o seu público

A compreensão de quem é o seu público alvo facilitará muito a procura do desenho de folhetos

Como em qualquer tipo de marketing eficaz, tem de saber a quem quer chegar com a sua brochura:

  • Quem é o seu público-alvo?
  • Quais são os seus gostos e antipatias, interesses e gostos?
  • Como é que eles falam?
  • A que se referem?
  • E o que lhes chamará a atenção?

Faça primeiro a sua pesquisa de mercado, e depois construa a sua brochura ideal tendo em mente o seu leitor alvo.

Ao decidir sobre o tom da sua cópia, tenha em mente o tipo de pessoa que espera que a leia.

Se estiver a tentar aceder a um novo mercado, a brochura deve ser cativante e sedutora, e não excessivamente insistente. Se estiver a consolidar um grupo de clientes já existente, tente alcançar um tom que sugira um sentimento de amizade, confiança e ligação pessoal. Use sempre pronomes directos como “você” e “seu”, em vez de palavras generalizadas como “nós” ou “nosso”; isto fará com que a sua brochura fale directamente ao leitor e capte a sua atenção, deixando-o saber que eles vêm primeiro.

Se conseguir atingir o seu público-alvo, as suas brochuras serão 100% mais eficazes.

3. Usar o espaço de forma óptima

As brochuras são pequenas, mas isso não significa que deve tentar colocar nelas o máximo de informação possível.

Uma das características que definem as brochuras é que elas são pequenas. A maioria das brochuras são limitadas a um tamanho de página padrão de A6 ou A5 size, por isso vai encontrar-se sempre com um espaço de impressão muito limitado.

+  Como publicar um livro? 10 passos para o sucesso

Com isto em mente, vai ter de pensar criativamente sobre como apresentar o seu desenho, para transmitir as suas informações-chave.

Tal como o desenho de cartazes, as brochuras precisam de utilizar o espaço cuidadosamente.

Uma grande técnica para criar mais espaço é a grelha – dividindo a página numa grelha onde cada quadrado contém uma peça de texto diferente, uma imagem ou um logótipo. Num documento Word, ou mesmo numa brochura mais formal, normalmente organizaria o conteúdo do texto numa única coluna da página. No entanto, com uma brochura deve tentar ser mais experimental na utilização do espaço. Pense na grelha. Dito isto, dividir a sua brochura em quadrados perfeitos pode parecer demasiado rígido e funcional.

Tente utilizar secções de tamanho irregular para que o seu conteúdo se destaque realmente na página. Pode ter um grande quadrado de texto, ao lado de uma imagem, com um pequeno quadrado de texto por baixo. Ou, se quiser agitar as coisas, porque não tentar fazer experiências com layouts diagonais?

Não há realmente fim para as possibilidades do seu desenho, só precisa de se certificar de que utiliza o espaço eficazmente. Não deixe a sua brochura com um aspecto desorganizado ou desorganizado.

O design ideal inclui muito conteúdo, mas continua a ter um aspecto mínimo, limpo e equilibrado.

4. Chame a atenção

Uma imagem visual apelativa pode realmente captar a atenção dos seus potenciais clientes.

Uma das dicas mais importantes para a concepção de brochuras é criar uma que capte a atenção das pessoas e crie um forte impacto visual. Quanto mais chamativo for o seu folheto, mais provável é que uma pessoa o pegue ou o guarde. Quer se procure a subtileza ou a ousadia, vai querer definitivamente evitar a maldição do aborrecimento a todo o custo.

Os desenhos profissionais subestimados podem ser completamente transformados de banais para brilhantes com uma atenção habilidosa à cor. Use as cores da sua empresa para reforçar a sua marca, e não deixe de usar uma paleta equilibrada.

Se estiver a anunciar um evento, ou um produto que chame a atenção, como uma noite de clube, exposição ou festival, não se pode dar ao luxo de não ser atractivo. Deve impregnar a sua brochura com o espírito do próprio produto.

Receber a sua brochura deve ser uma experiência, transportando o leitor para o evento que está a oferecer e permitindo-lhes imaginar como seria a experiência.

As brochuras mais apelativas usam cor eficazmente; uma paleta de tons ousados e complementares fará o seu conteúdo saltar da página. Tente equilibrar um trio de elementos que chamem a atenção:

  • Uma imagem visual marcante.
  • Uma manchete que chama a atenção (numa fonte legível mas ousada)
  • Um elemento de cor (tal como um logotipo)

Ao aderir a esta regra dos três elementos, evitará a desordem e assegurará que a sua brochura seja fácil para os olhos.

Mais importante, certifique-se de que o seu desenho de folhetos é divertido e otimista. Não deve parecer muito sério, mesmo que seja corporativo. O seu principal objectivo é fazer uma brochura que as pessoas guardarão. É muito mais provável que o façam se o desenho os fizer sentir bem.

5. Seja fixe

Se utilizar um desenho minimalista, a sua brochura terá um aspecto mais profissional.

Estar a chamar a atenção não significa ser barulhento, insistente ou carente. Uma brochura pode ser apelativa e atraente, mesmo que seja discreta. Por vezes um desenho de folhetos mais subtil pode ser um óptimo ajuste, especialmente se se estiver a visar um consumidor mais modesto, experiente ou corporativo.

Apontar para uma estética que seja mínima, serena e calma. Lembre-se de que menos é mais, e por vezes é eficaz fazer-se de difícil de obter.

Se estiver a anunciar um serviço ou produto empresarial com uma imagem sofisticada, a sua brochura deve reflectir isso.

Uma estratégia de marketing eficaz pode ser aquela que diz “Temos esta coisa fantástica, tens de vir até nós para a obter”. Agora imagine essa mensagem em forma de brochura; um estilo de design plano e discreto apelará ao seu consumidor alvo com muito pouco esforço. Tente mantê-lo simples.

Use uma paleta de preto, branco e cinzento, e limite-se a um uso cuidadoso da cor; basta um salpico de cor arrojada. Azuis, verdes de hortelã, silvers, mostardas e lilases são inatamente atraentes e inteligentemente empresariais. Não quer parecer que se está a esforçar demasiado para impressionar, por isso lembre-se, seja fixe.

+  Aquisição de leads com publicidade impressa

6. Seja simpático

Adicionar uma fotografia dos seus empregados a sorrir pode fazer a sua brochura parecer mais amigável.

Ser discreto não deve ser confundido com ser distante. Quer que a sua brochura faça a sua empresa parecer encantadora, amigável e acessível, e há várias maneiras de o conseguir.

Primeiro, usar um tom informal, conversacional no texto.

Em segundo lugar, escolher imagens que causem uma boa impressão. Não subestime o poder de um rosto humano sorridente quando se trata de pôr as pessoas à vontade. Imagine um prospecto universitário, uma brochura corporativa ou um anúncio de champô; eles estão cheios de pessoas sorridentes. Especialmente se estiver a comercializar um serviço, é super importante apresentar ao telespectador um rosto amigável.

Imagine como cumprimentaria um cliente no seu escritório, e depois colocaria essa cara na sua brochura. Quando mais tarde interagirem com a sua empresa, manterão na mente a imagem desse sorriso, o que os colocará à vontade.

Uma palavra de prudência é evitar utilizar imagens de stock em brochuras (a menos que seja forçado devido a restrições orçamentais). Muitas fotografias de “homens de negócios sorridentes” parecem na realidade sem alma, sem pernas para andar e excessivamente encenadas. A contratação de um fotógrafo profissional pode ser cara, mas vale a pena assegurar a autenticidade.

Além disso, assim que tiver uma imagem que seja verdadeiramente sua, pode utilizá-la em todos os seus canais de marketing, em websites e redes sociais, para criar uma imagem de marca duradoura.

7. Fonte em desenho de folhetos

A sua fonte precisa de estar alinhada com a sua marca. Para construir confiança, tente usar fontes mais sérias.

Uma das dicas mais frequentemente negligenciadas no desenho de folhetos é escolher cuidadosamente o seu tipo de letra. Os diferentes tipos de letra têm uma personalidade própria, e é necessário fazer corresponder o tom da sua fonte à sua imagem de marca.

Por exemplo, se quiser parecer profissional, não use Banda Desenhada. Este tipo de letra é bom para os animadores infantis, lápis de cera e banda desenhada, mas não é tão bom para eventos, produtos ou serviços empresariais. Se estiver a pensar que tipo de letra usar, consulte o nosso post no blogue em tipos de letras para cartazes.

É normalmente seguro recorrer a uma fonte sofisticada, tal como Helvetica ou Times New Roman. Mas certifique-se de encontrar uma fonte que seja esteticamente agradável, legível, e limpa. Não tem de ser invulgar.

Como regra geral, recomendamos que limite a utilização de diferentes tipos de letra no desenho de folhetos. Duas famílias de fontes é o máximo; uma é normalmente suficiente. Se acrescentar demasiadas fontes diferentes, o seu desenho começará a parecer desorganizado e confuso, perdendo a sua coerência visual. Neste sentido, menos é mais. Se estiver à procura de variedade visual no seu design, troque entre as versões negrito, itálico e regular da mesma fonte. É uma óptima forma de acrescentar ênfase e heterogeneidade, sem sacrificar a consistência.

8. Usar a cor para definir o humor

Por vezes, menos é mais. Destaca-se pela utilização de uma única cor a negrito.

Como já mencionámos, a cor desempenha um papel fundamental para tornar a sua brochura mais arrojada e apelativa, mas…. Sabia que também pode afectar o estado de espírito?

A cor, sem dúvida mais do que a escolha da fonte ou da imagem, é a característica mais importante na criação da disposição e personalidade do design de brochuras.

De facto, a psicologia da cor é crucial para seduzir alguém a pegar ou reter a sua brochura, pelo que a escolha da cor pode fazer ou quebrar um bom desenho.

Especialistas em cor Pantone publicaram as suas tendências de cor, o que é um óptimo guia ao definir a sua paleta. De acordo com Leatrice Eiseman, executiva de Pantone, se quiser parecer “espirituosa”, é melhor ir com blues e laranjas; é um esquema de cores que “combina tons quentes e frios para os quais não se pode deixar de olhar fixamente”. O amarelo é “brincalhão”, o rosa é “subestimado” e o ouro é “sofisticado”. Se espera alcançar um público diversificado, opte por tons rosados; “esta paleta alcança e abraça muitas culturas diferentes”.

+  10 essenciais ferramentas para desenhadores gráficos

Escolher o esquema de cores errado pode afastar os consumidores, mas a paleta certa ajudará a sua brochura a converter-se em vendas.

Se procura um esquema de cores clássico, experimentado e verdadeiro, use pastel; são uma aplicação natural dos nossos estilos de vida e processos de pensamento. Escolha cuidadosamente a cor e terá o controlo do seu estado de espírito.

9. Ligar com digital

Use códigos QR, cupões ou ferramentas como GizThis para ligar as suas brochuras ao mundo digital.

A impressão não deve ser vista como o inimigo do marketing digital. Na verdade, muito pelo contrário: é uma estratégia para aumentar as vendas através do envolvimento digital.

As campanhas de marketing mais eficazes são aquelas em que os seus meios de comunicação impressos e digitais são cuidadosamente coordenados para que se reforcem mutuamente e desenvolvam uma imagem de marca consistente.

As brochuras impressas são uma óptima forma de atrair o seu público online e levá-lo a interagir com o seu conteúdo digital.

Ao conceber a sua brochura, lembre-se de incluir links para o Facebook, Twitter e/ou Instragram, para promover a sua presença nas redes sociais.

Se quiser ser realmente conhecedor da tecnologia, leve isto um passo mais longe usando uma ferramenta como GizThis para iOS ou Android, ou cupões digitais. Desta forma, a sua brochura pode ligar-se a todo o tipo de conteúdo único: vídeos personalizados, downloads gratuitos, WiFi gratuito, descontos online, códigos de cupão, jogos, mapas, inquéritos e sítios web. Imagine a experiência que o seu consumidor terá: num minuto estão a segurar uma simples brochura táctil nas mãos, e no seguinte estão a explorar um mundo virtual de possibilidades infinitas.

Utilize um código QR personalizado para os levar directamente para o seu sítio Web, onde podem expandir a informação e continuar a ler sobre a sua empresa, as suas ofertas…

Ligar a sua brochura ao seu conteúdo digital é uma parte essencial da sua concepção.

10. Call to action (CTA Call to action)

Adicionar uma chamada à acção para converter os leitores em clientes

Talvez uma das dicas mais básicas mas essenciais para a concepção de brochuras seja lembrar que não está a distribuir brochuras sem motivo. Está a distribuí-los porque quer algo em troca. Para obter algo dos seus clientes, precisa de uma “chamada à acção”.

Isso pode ser um comando, um imperativo ou uma directiva que influencie o leitor não só a receber a informação, mas também a agir sobre ela. Lembre-se, uma brochura não significa nada se não inspirar o seu público a agir.

Questões, tentações, e sugestões são formas de pedir subtilmente a alguém que se envolva.

Todos estes são formas de pedir subtilmente a alguém que se envolva.

CTA desenho de folhetos

Uma chamada clássica à acção é a frase “ordenar agora”, ou “iniciar sessão para ver”. Deve tentar orientar o seu cliente para uma acção muito específica, e encorajá-lo a agir imediatamente. É por isso que os incentivos e descontos são muitas vezes úteis para seduzir as pessoas a participar.

Pense em usar mais pontos de interrogação e seja criativo com tagslines e frases. Seja ousado, mas mantenha-o inofensivo. As pessoas não gostam que lhes digam o que fazer, por isso é preciso fazê-las querer agir.

Sobretudo, o desenho de folhetos deve ser tão tentador que eles sentem que não podem dar-se ao luxo de não o fazer.

 

Conclusão sobre o desenho de folhetos

Uma brochura bem desenhada é uma forma realmente eficaz de promover o seu negócio.

Seguindo as nossas dicas de concepção de brochuras e combinando brochuras bem elaboradas com equipas de rua eficientes, campanhas de marketing no terreno e uma presença digital cuidadosamente coordenada, poderá alcançar audiências inteiramente novas, bem como consolidar as já existentes.

Lembre-se que, acima de tudo, a concepção de brochuras deve dar prioridade à funcionalidade. Se lê claramente, e o conteúdo está incluído, então está a ter um bom começo.

Depois disso, o design é tudo: escolher cores cuidadosamente, equilibrar a disposição e mantê-la mínima. As brochuras de maior sucesso são as mais envolventes.

Quanto mais tempo o espectador o segurar na sua mão, mais duradoura e significativa será a impressão. Se criar belos desenhos e utilizar brochuras como parte de uma campanha de marketing atenciosa, as possibilidades de promoção são infinitas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *